Diferenças entre listas e segmentos

Embora tanto listas quanto segmentos sejam dois tipos de ferramentas usadas para gerenciar contatos e enviar mensagens para eles, existem diversas diferenças fundamentais entre eles. Pode não ser tarefa fácil entender que diferenças são essas, especialmente se você nunca usou uma ferramenta de segmentação antes.

Neste artigo, vamos explicar as diferenças entre listas e segmentos e em que casos é melhor usar um ou outro.

É bom saber

  • Para saber mais sobre segmentos e quais são as diferentes condições disponíveis, consulte nosso artigo dedicado Sobre segmentos.

Quais são as diferenças entre uma lista e um segmento?

Uma lista é uma coleção de registros de contatos individuais, cada um dos quais normalmente inclui informações como o nome de uma pessoa, endereço de e-mail e outros dados. Um segmento é um subconjunto de uma base de contatos ou lista de contatos, criado com base em um conjunto de condições

➡️ Por exemplo
Você tem uma base de dados de 1.000 contatos. A partir dessa base de dados, você pode criar um segmento que inclua apenas contatos que vivem em uma cidade específica, que abriram sua última campanha de e-mail ou que fizeram uma compra em seu site no último mês.

Existem algumas diferenças fundamentais entre listas e segmentos:

  • Tamanho: uma lista é normalmente maior do que um segmento, uma vez que ela inclui todos ou parte dos contatos individuais em uma base de dados. Um segmento é um grupo menor de contatos dentro da base de dados ou lista, selecionado com base em um conjunto de condições.

  • Finalidade: listas são geralmente usadas para armazenar e organizar todas as informações de contato para um negócio, bem como para enviar mensagens para públicos em massa. Segmentos são usados para enviar mensagens direcionadas, analisando o desempenho de seus esforços de marketing e outras finalidades específicas.

  • Flexibilidade: segmentos são mais flexíveis do que as listas, uma vez que eles são dinâmicos, o que significa que eles aumentam à medida que novos contatos atendem as condições e reduzem quando os contatos não as atendem mais. Eles podem ser criados e modificados com base em critérios modificáveis ou necessidades comerciais. Geralmente, listas são mais estáticas, já que representam o pool geral de contatos para um negócio e mudam apenas quando contatos são adicionados ou removidos (manualmente, via um formulário, etc.).

Quando usar uma lista ou um segmento?

Agora que você conhece as diferenças entre uma lista e um segmento, você pode estar se perguntando em que situações é melhor usar um ou outro.

Usar uma lista Usar um segmento

Listas são melhores para o envio de mensagens para um público em massa ou seja, o oposto de grupos de contatos altamente direcionados. Existem algumas situações onde pode ser adequado enviar uma mensagem para a lista toda ao invés de um segmento:

  • Quando você tem uma atualização ou anúncio geral que seja relevante para todos na lista. Por exemplo, se você tem uma lista de clientes e quer anunciar uma promoção ou o lançamento de um novo produto, o envio de um e-mail para a lista inteira seria adequado.

  • Quando você está começando a construir o relacionamento com as pessoas de sua lista e ainda não tem dados suficientes para criar segmentos. Neste caso, o envio de um e-mail geral para a lista inteira pode ajudar você a estabelecer uma conexão e começar a reunir dados que depois poderão ser usados para criar um segmento.

  • Quando você está tentando alcançar o máximo de pessoas possíveis com uma mensagem específica. Por exemplo, se estiver realizando um concurso ou promovendo uma oferta especial, o envio de uma mensagem para a lista inteira pode ser a melhor maneira de maximizar o seu alcance.

  • Quando você está compartilhando boletins informativos, posts de blog e recursos. Por exemplo, você pode enviar mensagens para a lista de contatos que assinaram para receber seus boletins informativos, atualizações de publicações no blog e outros recursos de conteúdo.

É importante lembrar que o envio de uma mensagem para a lista inteira pode ser menos efetivo do que o envio de e-mails direcionados para segmentos, uma vez que a mensagem pode não ser relevante para todos na lista. Isso também pode impactar sua capacidade de entrega se muitos de seus contatos não engajarem com suas mensagens. É por isso que recomendamos que você siga nossas melhores práticas para a capacidade de entrega de e-mails, SMS e mensagens de WhatsApp.

No entanto, em alguns casos, o envio de mensagens para toda a lista pode ser a melhor abordagem, dependendo de seus objetivos e as informações disponíveis.

⏩ O que vem a seguir?

Para saber como criar uma lista ou segmento na Brevo, consulte nossos artigos dedicados:

🤔 Dúvidas?

Em caso de dúvida, sinta-se à vontade para entrar em contato com nossa equipe de suporte, criando um tíquete a partir da sua conta. Caso ainda não tenha uma conta, entre em contato conosco aqui.

Se você está procurando ajuda com um projeto usando o Brevo, podemos encontrar o parceiro especialista certificado em Brevo.

💬 Este artigo foi útil?

Utilizadores que acharam útil: 190 de 243